Não existe escova de bambu 100% natural

Você quer uma vida com menos plástico, e sabe que as escovas de dente tradicionais são uma péssima opção. Como substituir elas então? Eu tenho uma notícia ruim e uma boa. Não existe escova de bambu 100% natural, mas existem soluções mais sustentáveis. Vem comigo para entender melhor.

Por que usar escova de bambu 

O impacto ambiental nunca não é somente sobre as qualidades de um material. Acima de tudo devemos levar em conta todo o processo em torno da sua produção. As opções que encontramos tradicionalmente no mercado são principalmente de plástico polipropileno, que gera uma série de impactos no meio-ambiente.

Vamos dar uma olhada em alguns fatos sobre os modelos de plástico.

Exploração do petróleo 

Material de difícil renovação na natureza, além de ter um alto nível de toxicidade.

Decomposição

Enquanto muitos de nós acreditamos que plástico demora séculos para se decompor, o que já é ruim o suficiente, a ciência começa a mostrar através de pesquisas que, na verdade, ele se torna microplásticos, contaminando todo o planeta. Existem também evidências de que estamos ingerindo o material através da água, ar ou consumo de alimentos.

Descarte

Apesar de ser reciclável, há um grande problema mundial na reciclagem por falta de coleta seletiva e de indústrias. De acordo com a Abrelpe os índices de reciclagem no Brasil representam 4% do total de lixo produzido. Por isso o uso do bambu como matéria prima é uma solução mais ecológica e eficaz para a nossa saúde bucal. 

O uso de material natural na fabricação faz com que o modelo de bambu seja de fácil renovação, se decomponha com facilidade na natureza, não seja tóxica para nosso corpo e nem para o meio ambiente, e possa ser descartada no nosso jardim. 

Por que a escova de bambu não é 100% natural

Mesmo sendo, sem dúvida, extremamente melhor do que as opções de plástico, ainda existem algumas barreiras que precisamos ultrapassar para ter uma escova de dente 100% natural. 

Composição

É aqui a grande pegadinha da alternativa de bambu. Apesar de 94% dela ser feita de material natural e compostável, aqueles 6% não são. As cerdas são produzidas de nylon, ou polibutileno tereftalato, mais conhecidas como cerdas de carvão. 

Apesar do polibutileno tereftalato ser reciclável, é feito a partir do petróleo e possui um alto impacto na produção.

Embalagem

Você compra escova de bambu para não produzir lixo, mas que está embalada em plástico. Que sentido isso faz, não é mesmo? Mas é isso que acontece em grande parte das opções que existem no supermercado ou farmácia. 

Dê sempre preferência para fornecedores que cuidam desde a produção, até a venda para amenizar ou zerar o uso plástico, como aqui na Mato Alto.

E as Miswak, são 100% sustentáveis?

As Miswak nada mais são que um ramo da Salvadora Pérsica, uma árvore existente no Oriente Médio. Ela é uma opção super interessante que é usada há séculos na região para a limpeza dos dentes.

A questão é, que apesar disso, para um item ser sustentável precisamos levar em consideração também a disponibilidade da matéria-prima, a embalagem e o transporte. Por isso ela é pouco viável no Brasil de forma ecológica. 

A maior parte desse tipo de escova você encontrará em embalagens plásticas, e elas virão de outro continente, com alta pegada de carbono no transporte. 

Como escolher a minha escova de bambu

O que vimos aqui no artigo é que ainda não existe uma solução perfeita, e que fazer uma escolha sustentável vai além de ler a embalagem.  Por isso, precisamos entender onde ficar atentos para minimizar os impactos da nossa escolha.

O primeiro produto desenvolvido na Mato Alto foi a escova de dente de bambu, justamente por que não era possível encontrar uma opção que atendesse o que consideramos como nossos pilares da sustentabilidade. Conheça mais:

Produção

Nossos produtos são produzidos no Brasil. Além disso, o fornecedor do bambu faz o manejo ecológico de acordo com as especificidades do Bambu Mossó, a espécie que utilizamos para a nossa produção.

Embalagem

Elas são entregues em saquinhos de pano, produzidos a partir de retalhos que seriam descartados, e melhor ainda, feitos por cooperativas de costureiras e costureiras autônomas locais. Eles podem ser usados para transportá-la, ou aproveitar para guardar outras coisas. 

A ideia aqui é prevenir os itens de uso único, pois uma embalagem de papelão, mesmo sendo mais sustentável, vai pro lixo assim que chega. Dessa forma os saquinhos de retalhos são uma opção reutilizável e ecológica.

A entrega é feita em caixa de papelão com fita de kraft.

Transporte

Por ser um produto 100% brasileiro já existe um impacto infinitamente menor do que aquelas que vêm do exterior. 

Composição

Infelizmente, nossa escova também é apenas 94% natural, já que as cerdas disponíveis no mercado são todas feitas de plástico. Mas não se preocupe, estamos em busca de uma alternativa e esperamos em breve ter novidades.

Hoje temos as opções infantis e as de adulto, com cerdas macias ou ultra macias, de  PBT (que é um plástico resistente e reciclável), com ou sem carvão ativado que ajuda no controle da proliferação de fungos e bactérias. Quanto mais apoiarmos o uso, mais opções serão desenvolvidas no mercado.

Use o voucher                                                         para ganhar 10% de desconto na sua compra.

Como cuidar da escova de bambu

Por ser um produto feito de madeira, precisamos ter cuidado para que não mofe ou embolore. Por isso é sempre importante secar a escova depois do uso, deixar em um lugar que não acumule água, e que tenha circulação de ar.

 

Para fazer a limpeza:

  • Um copo com água morna. Não deixe ferver, pois isso afetará a estrutura da cerda.

  • 1/2 colher de chá de bicarbonato de sódio;

  • 1 colher de chá de vinagre branco.

  • Misture tudo e deixe de molho por 10 minutos.

A limpeza deve ser feita apenas quando você notar que há alguns pontos escuros ou pretos na sua escova.

Para descartar, separe as cerdas do cabo.  Por serem de material reciclável, assim como o seu fio dental, você pode colocá-las em uma garrafinha e enviar para reciclagem. O cabo, coloque na composteira, use para artesanato, ou descarte no biodegradável. 

Se você quer ir além das escovas de dentes para diminuir o lixo na sua higiene pessoal, olha só o post que preparamos sobre absorventes ecológicos.

Gostou das dicas? Então corre lá na loja para garantir a sua.